Home
Olá mochileiros, hoje falarei um pouco (ou muito, afinal é pra isso que existe o guia do mochileiro) sobre HTML 5, e os benefícios que ele traz para nossa galáxia.

Neste artigo veremos as novidades que o HTML 5 traz. Para você que está se venturando agora com o HTML, sem preocupações: os elementos tradicionais continuam os mesmos, já que o HTML 5 foi desenvolvido pensando também em todos os usuários que não utilizam os navegadores mais recentes do mercado. Mas para começar uma pequena história.
Desde 1999, o desenvolvimento da linguagem HTML (HyperText Markup Language) ficou estacionado na versão 4. De lá pra cá, o planeta W3C esteve focado em linguagens como XML (Extensible Markup Language) e SVG (Scalable Vector Graphics – o uso de gráficos vetoriais em navegadores). Enquanto isso, os navegadores estiveram preocupados em desenvolver suas funcionalidades, como exibir páginas em abas e oferecer a integração com leitores de RSS. Porém, recentemente organizações como Mozilla Foundation, Opera e Apple se uniram para atualizar o HTML e implementar nele novas funcionalidades.

Novos elementos

 

Vários novos elementos foram introduzidos no HTML 5, todos com a finalidade de facilitar a compreensão e a manutenção do código. Alguns são uma evolução natural do elemento
com foco na semântica; outros surgiram da necessidade de padronizar a maneira de se publicar conteúdo, como acontece hoje com as imagens. Os principais elementos dessa nova versão são:

Elementos de estrutura

 


– cabeçalho da página ou de uma seção (não confundir com a tag );

– cada seção do conteúdo;

– um item do conteúdo dentro da página ou da seção;

– o rodapé da página ou de uma seção;

Elementos de conteúdo

 


– usado para associar uma legenda a uma imagem, vídeo, arquivo de áudio, objeto ou iframe:
    
      Figura 1. Esquema de uma página em HTML 5
      <img src="html5.png" border="0" width="200" height="300"
                    alt="Como fica a estrutura de uma página escrita com os novos elementos do HTML 5" />
    
– através de uma API gráfica, irá renderizar imagens 2D dinâmicas que poderão ser usadas em jogos, gráficos, etc;
e – usados para streaming (transmissão pela internet) de áudio e vídeo. É uma tentativa de criar um padrão em todos os navegadores como acontece hoje com as imagens:
     
  
     
– junto com as tags
e
será usado para formatar um diálogo:
     
        
Michael, you never told me your family knew Johnny Fontane!
        
Oh sure, you want to meet him?
        
Yeah!
        
You know, my father helped Johnny in his career.
        
Really? How?
        
...Let's listen to this song.
     
– representa data e/ou hora;
– usada para representar medidas, que podem ser de distância, de armazenagem em disco, etc.

Elementos retirados do HTML 5

 

Alguns elementos não existirão mais no HTML 5. Alguns foram retirados porque sua função é puramente visual, e devem ser substituídos por uma declaração no CSS (Cascading Style Sheets), como: , , , , , , e . Outros foram retirados porque afetam negativamente a acessibilidade do site: , e .
Apesar de serem considerados antigos, e ainda serão reconhecidos e renderizados para fins de formatação, mas devem ser substituídos sempre que possível pelos elementos e , respectivamente.
Também foram retirados alguns atributos, seja porque caíram em desuso ou porque podem ser substituídos semanticamente por declarações no CSS para definir o visual dos elementos. Os principais atributos retirados são: